0 In O que fazer no Rio/ Passeios

Visita ao Palácio Guanabara

Foto: Reprodução Internet

Há alguns dias eu lancei uma pergunta no Insta e no Facebook do blog (se você ainda não me segue clique aqui e aqui para ficar sempre por dentro das minhas aventuras e me siga no snap @karidesbrava) onde eu estava nessa foto aí embaixo:


Pois bem… Vou acabar o mistério. Fui desbravar o Palácio Guanabara, em Laranjeiras. A história do Palácio é muito bacana. Ele foi construído no período colonial e depois foi reformado para ficar mais luxuoso e ser a casa da Princesa Isabel e seu marido, Conde d’Eu. Com o passar do tempo, o Palácio Guanabara virou a residência de personalidades importantes o presidente como Getúlio Vargas.

Atualmente, o palácio é usado como sede administrativa do governador. Mas, suas paredes respiram história. E conhecê-la de pertinho ficou ainda mais fácil. Um projeto do Sesc em parceria com o governo está agendando visitas para quem quer visitá-lo.

Para agendar a sua visita clique neste link. Os passeios são guiados por alunos do curso Técnico em Turismo do Sesc. No passeio é possível conhecer o salão principal, onde eram realizadas as festas e saraus promovidos por Princesa Isabel, o salão verde (uma espécie de sala de jantar) decorado por Getúlio, o salão Estácio de Sá (onde ficava um quadro enorme que retrata a morte do fundador da cidade do Rio), a capela de Santa Teresinha (construída a pedido de Carmela Dutra) e o jardim super hiper mega lindo.

 

A visita

O palácio está muito bem conservado e suas paredes, como eu disse transmitem histórias. Os quadros, os móveis, os detalhes da parede. Tudo é muito fascinante e o passeio é um verdadeiro banho de história do Brasil. Vale a pena!

Mas a parte que mais curti foi o jardim. Explico! Além de ser muito lindo (SE PREPARA QUE LÁ VEM SPOILER!!!) você o conhece ao som de Wave, de Tom Jobim, tocado por uma orquestra. Geeeeeente, quase chorei! Música da melhor qualidade e uma vista de cair o queixo! Não tem como resistir.

10525038_1030262387036888_1035417611_n

Jardim do Palácio Guanabara, em Laranjeiras

Além disso, outras partes da visita são interessantes pelas curiosidades. Você sabia que as palmeiras da Rua Paisandu, no Flamengo, são alinhadas as palmeira do jardim do Palácio Guanabara? Tudo isso porque a Princesa Isabel pediu para que as palmeiras imperiais fossem plantadas até bem próximo à praia do Flamengo para fazer sombra para quando ela fosse ver o mar.

Outra curiosidade é Camerla Dutra ter pedido para que o marido, Eurico Gaspar Dutra, construísse a igreja de Santa Teresinha. O pedido foi motivado pelo fato da primeira-dama ter uma doença degenerativa e por conta disso não poder se deslocar até Portugal para rezar para a santa. Com o passar do tempo, a doença de Carmela foi se agravando e a santinha foi “descida” para a altura da janela do quarto de Carmela.

Conhecer o Palácio Guanabara vale para adquirir mais conhecimento histórico, vale pelo fato de você apreciar um vista incrível, vale pelo fato de você ouvir uma boa música, vale pelo fato de que o projeto é algo muito bem feito. Ah, apesar de tanta coisa legal, a visita dura somente 30 minutinhos. Algo muito curto para a grandiosidade do lugar.

Mais fotos do passeio: 

 

 

Confira:

Roteiro da Boemia Carioca #1: Quadra da Mangueira

Roteiro da Boemia Carioca #2: Beco do Rato 

Roteiro gastronômico e cultural de Benfica

 

***

 

Se você gostou deste conteúdo compartilhe nas redes sociais. 😉

 

Beijos,

Kari.



You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

Inline
Please enter easy facebook like box shortcode from settings > Easy Fcebook Likebox
Inline
Please enter easy facebook like box shortcode from settings > Easy Fcebook Likebox