Browsing Category

Viagens

0 In Mais recentes/ Relato dos colaboradores/ Viagens

Todo mundo deveria ser imigrante um dia | Por Binha Silveira

Compartilhe:

Na sessão “relato dos colaboradores” de hoje vamos conferir as dicas da viajante Binha Silveira sobre a vida de imigrante, com suas dores e sabores. Confira!

Quer compartilhar seu relato com outros viajantes? Envie um texto contando como foi sua experiência para o e-mail: karidesbrava@gmail.com

***

Vida de imigrante, para quem nunca foi, é só glamour, romantismo. Mas a realidade é bem diferente disso! O fato é que é um reaprender a caminhar, é sair da zona de conforto, sem ter onde, em quem se apoiar.

Se o açúcar acabou ou não tem grana, não tem vizinho ou amigo para pedir emprestado. Não tem cheque especial ou cartão de crédito a pagar fora da vista. Não tem “jeitinho”.

Se quer vida social, tem que conquistar, a duras penas. Isso sempre lidando com o preconceito e desconfiança dos nativos, que sempre o terão como um forasteiro (o que na verdade é).

Ser imigrante te faz ser mais humilde, menos egocêntrico e mais centrado. É uma luta constante pela sobrevivência e permanência no espaço.

É provar o tempo inteiro que você não faz parte do “bando” conhecido – o que às vezes se torna cansativo – e conquistar diariamente o seu espaço por si só, sem referências. E isso te torna mais forte, te mostra caminhos que antes você desconhecia, te faz se redescobrir, se reinventar.

As relações às quais você está acostumado jamais serão as mesmas. Os lugares também não. Isso pode ser bom ou ruim, depende de como você enxerga. Fato é que imigrar é para os fortes (ou para quem se permite ser lapidado).

Você vai deixar de estar presente fisicamente em comemorações, nascimentos, velórios, aniversários e tantos outros acontecimentos diários que perderá a conta.

Vai sentir muita falta dos seus amigos e família e ter que vê-los através de uma tela de computador ou celular.

Não tem cheiro, nem abraço. Mas vai ter novas relações, novas experiências, aprendizados e descobertas. Vai te libertar de uma mentalidade, por vezes, bairrista e provinciana.

Eu, como uma amante da vida e das boas relações interpessoais, por não abrir mão delas, me entrego às experiências. Mas dizer que é fácil, seria hipocrisia da minha parte. Não, não é. E quem disse que seria? E isso é o que torna ainda mais gratificante o resultado dessa constante busca: a descoberta.

Bom, para quem está disposto. E tem estrutura para aguentar. Quem não tem, sucumbe, retorna, desiste.

Mas, se posso dar um conselho para um crescimento e amadurecimento pessoal é: seja imigrante pelo menos uma vez em sua vida. Você vai se surpreender!”

Para conferir mais textos da Binha, conheça o blog dela.

***

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe:
0 In Felicidade/ Mais recentes/ Viagens

Aprenda a transformar metas em realidade

bloco de notas e lápis
Compartilhe:

Com frequência escuto as pessoas reclamarem que viajar muito é impossível. Perguntam admiradas como pode alguém viajar com tanta frequência. Bom, respondo para vocês: esse pessoa tornou as viagens uma prioridade na vida dela.

Já falamos aqui, que dependendo da sua situação, viajar ainda é um privilégio. Mas, hoje vamos tratar de outro ponto: daqueles que querem viajar mais, porém não o fazem por pura falta de organização financeira.

O primeiro passo para quem deseja viajar com frequência passa pela tomada de decisão. Você precisa querer isso. Querer muito. Pois só assim conseguirá resistir a todas as tentações que aparecerão pelo caminho. E olha… serão muitas.

E lembre-se, viajar é prazeroso, mas não traz prazer imediato como “bruzinhas”, saídas e afins. Repito: por isso é tão importante você ter convicção de que isso (viajar) é o que você deseja. Como dizem por aí: “pra quem não sabe para onde vai, qualquer caminho vale“.

Depois será preciso fazer uma revisão nas próprias finanças. Detectar onde está havendo desperdícios e cortá-los é o começo para fazer suas viagens acontecerem.

Tomada a decisão e feita a análise de como anda sua vida financeira é hora de estipular quanto é preciso juntar e em quanto tempo. Escreva em uma papel, no notes do celular, em um mural. O local não importa muito, o que vale aqui é que isso esteja a seu alcance a qualquer momento.

Por fim, inspire-se! Lembre-se sempre que possível o quanto isso é valioso. Pode ser através de fotos no celular (colocar seu objetivo como capa do seu aparelho é uma boa!), vendo vídeos, assistindo a filmes, lendo textos como esse aqui. Recorde sua meta com frequência, pois só assim você não irá trocá-la pelo primeiro convite para sair.

Obs: Dei o exemplo das viagens no texto, mas essa “fórmula” do Decide + Poupe + Execute funciona para qualquer objetivo que você queira ter na vida 😀 Por isso, o título. 

Obs2: O texto acima é baseado nas minhas experiências e na forma que encontrei de concretizar o que sonho. Mas, apesar de tê-lo simplificado, não há aqui o intuito de apresentar uma fórmula mágica. Para transformar qualquer objetivo em realidade é preciso esforço. Por isso, desconfie de tudo e todos que te prometam um resultado milagroso.

Se você gostou deste texto, confira nossa sessão de textos inspiradores.

***

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe:
1 In Dicas/ Mais recentes/ Viagens

Como viajar com o dólar alto?

dolar
Compartilhe:

Viajar com o dólar batendo R$ 4,50 não é das tarefas mais fácies. A desvalorização do real frente a moeda americana pode desanimar muitos de fazerem a tão sonhada viagem. Mas, o blog vem aqui te dá uma boa notícia: viajar com o dólar alto é possível, mas para isso é preciso ter um bom planejamento.

E para te ajudar no antes, durante e depois da sua viagem reuni as melhores dicas sobre como viajar com o dólar alto! Confere só:

Cuidado com a escolha do destino!

Pesquise muito os destinos antes de embarcar. Verifique se não é melhor conhecer países com moedas mais em conta. Bons lugares para se viajar com o dólar está alto são países da América do Sul, como Chile, Argentina, Peru e Bolívia, destinos mais alternativos da Europa, com Hungria e outros países do leste europeu, ou então países como México, Índia e Africa do Sul, que possuem culturas muito interessantes e são bem mais em conta que os Estados Unidos.

Mas, se o seu sonho é mesmo se esbaldar em Nova Iorque, Miami ou Paris, calma! Como eu disse acima, nada como planejamento para conseguir realizar esta meta.

Não compre dólar na última hora

Ao invés de comprar dólar em cima da hora, vá comprando a moeda aos poucos. Assim você consegue pagar a média do que a moeda vale, ao invés de pagar o valor mais alto. Lembre-se: em tempos de crise econômico, período na qual vivemos hoje, a cotação das moedas varia muito. Por isso, comprar tudo de uma vez pode causar um roubo no seu orçamento.

Fique mais tempo nos lugares

Tempo de dólar alto pede cuidados redobrados. Ao invés de fazer um pinga pinga entre destinos porque não passar mais tempo no mesmo lugar? Quando ficamos mais tempo em um destino, a tendência é que economizemos mais, pois assim temos tempo de andar de transporte público, pesquisar preços de onde comer, sem falar na economia que se faz pelo fato de não estar se locomovendo a todo momento.

Atenção com a hospedagem

A hospedagem é uma das grandes custos de uma viagem, por isso, tenha atenção ao escolher a sua. Mas, guarde bem este conselho: sempre priorize um local com boa localização. Escolher pagar mais barato, mas fica em um local longe é cilada! O que você economiza com a hospedagem, gasta com transporte. E gasto excessivo é tudo o que você deve evitar com o dólar alto.

Viaje no meio da semana

Viajar no meio da semana barateia os custos da passagem. Então, se você tem como viajar na terça, quarta e quinta ao invés do fim de semana, faça isso! Afinal, assim você utiliza o dinheiro economizado na passagem para gastos durante a viagem.

Use as milhas

Lembra do seu cadastro nos programas de fidelidade da companhia aerea? Então! Acesse e verifique se a quantidade de milhas acumuladas podem te ajudar a comprar uma passagem.

Fuja dos períodos de alta temporada

Além de tentar não viajar no fim de semana, em período de dólar alto, fuja da alta temporada. Como bom viajante, você sabe que alta temporada é sinônimo de preços mais elevados. E adivinha? Você deve correr disso!

Compre os passeios com antecedência

Na hora do planejamento, pesquise quais atrações você quer conhecer e verifique se comprar os ingressos para elas com antecedência te fará economizar. Provavelmente a resposta será sim, e diante da certeza que alguma grana será poupada, nem pisque: compre logo suas entradas.

Calcule a média diária dos gastos

Uma ótima estratégia para viajar com o orçamento mais apertado é orça o quanto você pode gastar por dia. Assim, se você economiza em uma dia, pode gastar mais um pouquinho no outro. E vice-versa. Uma ótima forma de fazer esse cálculo é através do site Quanto Custa Viajar.

Esqueça as compras

Tempos de dólar alto não é um período favorável para compras. Ao invés isso, foque em conhecer mais o destino. Considere também atrações gratuitas como freewalking tours ou os dias de entrada gratuitas em museus e centros culturais.

Prefira dinheiro vivo

Usar o cartão de crédito em viagens internacionais pode ser a maior furada. Com o dólar alto então… Tudo isso porque a conversão do que você irá pagar só é feita no fechamento da fatura e, até lá, a moeda pode ter se valorizado. Por isso, opte por usar dinheiro vivo ao invés do cartão de crédito.

Ainda tá difícil viajar?

Se mesmo com as dicas acima ainda tá difícil tirar seus planos do papel, considere parcelar a viagem. Mas, antes de sair parcelando tudo e se enfiar em uma dívida, conheça bem sua vida financeira e verifique em quanto tempo você vai conseguir quitar essa dívida! Se você comprovar que o parcelamento não é uma boa opção, considere então viajar pelo Brasil. Geralmente, achamos o Brasil caro, mas muitas vezes comparamos os preços da alta temporada daqui com a baixa temporada dos destinos internacionais.

***

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe:
2 In Mais recentes/ Viagens

Destinos inesquecíveis! Eternize suas viagens com berloques

Compartilhe:

Viajar pode ser uma experiência transformadora. O contato com novos costumes, idiomas, hábitos e paisagens nos apresentam outras visões de mundo e, com certeza, esse é um dos grandes benefícios de desbravar. Mas, que tal ter alguma lembrança daquela sua viagem marcante?

Entre as maneiras de recordar uma viagem, há a possibilidade de colecionar berloques, uma espécie de pingente de pulseiras. Há pouco tempo conheci a loja Amo Berloque, o maior e-commerce brasileiro especializado nas vendas de berloques e considerada a maior loja virtual com variedades de berloques com o tema viagem do Brasil. E como recordar bons momentos é viver, resolvi listar três destinos inesquecíveis para mim e seus berloques, que são só amor <3  Confira:

Lençóis Maranhenses e São Luís, no Maranhão

Conhecer os Lençóis Maranhenses foi um sonho realizado. Com uma paisagem surreal de linda, é impossível não se encantar com tanta beleza natural. As dunas, o pôr-do-sol no meio do ‘deserto brasileiro’, o rali da volta, os 13 km de caminhada. Tudo valeu a pena para conhecer e viver essa experiência mágica!

Já em São Luís temos contato com a nossa história, presentes nas fachadas dos prédios, na culinária e nas danças. Como uma forma de lembrar essa viagem escolhi o berloque prata do Bumba Meu Boi, um dos símbolos do estado. 

Lagoa nos Lençóis Maranhenses

Rio de Janeiro

A carioca aqui tem uma queda pelo Rio de Janeiro. Viajo, viajo e viajo, mas sempre sinto uma sensação incrível em estar em casa. Tanto é que desbravar o Rio é um dos mandamentos deste blog.

Cheia de encantos, o RJ tem muitos atrativos: que vão desde os mais conhecidos como as praias, o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar, à trilhas e programas culturais.

Trilha da Pedra Bonita. Ao fundo, a Pedra da Gávea

 

Como uma forma de eternizar os momentos vividos aqui, escolhi o berloque do Cristo Redentor, uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno. 

Buenos Aires, na Argentina

E para fechar a lista com chave de ouro, indico Buenos Aires, capital da Argentina. Bucólica, charmosa e com um ar dramático, BA reúne diversos atrativos como o tango, a culinária, com influência espanhola e italiana, as livrarias e cafeterias, além de personagens clássicos como a Mafalda. O berloque escolhido nesse caso é o da bandeira da Argentina.  

Com a estátua da Mafalda, no bairro de San Telmo

 

Quem quiser adquirir qualquer berloque com desconto de 10%, válido até 31 de dezembro de 2018, basta usar o cupom promocional HELLO_KARI no ato da compra.

Confira também a coleção Viagem completa, com pingentes de prata, folheado a ouro e bijuteria e escolha o seu!

 

*Este é um post publicitário. Para dúvidas consulte nossas políticas editoriais.

***

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe:
0 In Dicas/ Mais recentes/ Viagens

Veja dicas para evitar a má circulação durante as viagens

Compartilhe:

Durante viagens longas é imprescindível que tenhamos alguns cuidados para não comprometermos nossa saúde. Passar muitas horas sentados durante o deslocamento, seja no carro ou no avião, até o destino final não faz bem. Segundo um estudo publicado no periódico científico ‘Circulation’, ficar por mais de cinco horas sentado aumenta em 70% o risco de embolia pulmonar, por exemplo.

Mas, há alguns cuidados que devemos ter para manter a saúde em dia durante as viagens. Vamos conferir?

Leia mais: Seguro Viagem: entenda porque você deve fazer um antes de embarcar!
8 formas de acumular milhas aéreas

Mexa-se!

Se ficar muito tempo sentado prejudica a nossa saúde, então o ideal é se mexer. Para isso, priorize sentar no corredor. Assim, a locomoção fica mais fácil e você consegue esticar as pernas com maior facilidade.

Se estiver viajando de carro, vale estudar o percurso com antecedência e programar paradas para esticar as pernas e mexer o corpo durante o caminho.

Cuide da saúde

Tem coisas na vida que é melhor prevenir que remediar. E com a saúde é desse jeito. Quem mantém uma rotina mais saudável acaba sofrendo menos com a má circulação. Por isso, coma bem, durma bem e beba bastante água. Também não esqueça de se exercitar. Manter a saúde em dia é essencial para conseguir viajar mais.

Evite o stress

Viajar de avião para muitos é um desafio. Para outros, ficar muito tempo na estrada pode ser desesperador. Apesar de muitas vezes o medo e a ansiedade baterem, procure meios de se controlar. Medite, faça uma playlist bacana para o caminho, leve um livro. Prepare sua mente para o percurso que será feito. Caso nada disso dê resultado, vale consultar um médico para descobrir o que te deixa tão desconfortável e encontrar uma solução para isso.

Meias de compressão

As meias de compressão podem ser grandes aliadas do viajante, já que elas são feitas para ajudar na circulação das pernas. Antes de uma viagem longa, considere adquirir uma. E caso tenha alguma dúvida sobre sua indicação e funcionamento, não esqueça de consultar o seu médico antes de usá-la.

***

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe:
2 In Dicas/ Mais recentes/ Viagens

Seguro Viagem: entenda porque você deve fazer um antes de embarcar!

Compartilhe:

Vejo muitos viajantes com dúvidas se vale a pena ou não fazer um seguro viagem. Bom, seguro é aquele tipo de serviço que a gente contrata sempre torcendo para não precisar, mas se precisa e não tem bate aquele arrependimento de não ter feito. Se só de imaginar os perrengues que podem ser evitados com a contratação de um seguro viagem não te convenceram, confira nesse texto o porque é importante contratar um seguro antes de viajar. 

Para começar, despesas médicas em outros países podem ser extremamente caras. Já conheci histórias de viajantes que não contrataram um seguro-viagem e se deram muito mal, pois quando chegaram ao Brasil se depararam com uma conta enorme para pagar.

Além disso, a contratação de um seguro viagem também pode te dar direito a outros serviços como suporte jurídico, indenização por extravio da bagagem, auxílio em caso de perda de documentos e reembolso por atrasos ou cancelamentos de voos. O que facilita, e muito, a vida do turista.

 

#DICADAKARI: Leia muito bem a apólice antes de

contratar o seguro, para saber o que ele te dá direito!

 

Outro fato que o viajante tem que se atentar é que alguns países exigem que o estrangeiro tenha um seguro-viagem para poder entrar em seu território. Um bom exemplo são os 27 países europeus que integram o Tratado de Schengen, que exigem que o turista tenha um seguro-viagem com cobertura mínima de 30 mil euros. Então, se seu sonho é conhecer o velho continente, já deixe reservada a grana para o seguro viagem.

Os países europeus que exigem o seguro-viagem são: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Itália, Irlanda, Islândia, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Polônia, Portugal, Reino Unido, República Tcheca, Romênia, Suécia e Suíça. Além deles, outros países também exigem seguro-viagem do turista: Cuba, Emirados Árabes Unidos, Qatar e Turquia. 

Pesquisar bem a empresa e o seguro viagem antes de contratar o serviço é fundamental para não cair em furadas

O que considerar antes de contratar um seguro?

Depois de entender a importância de contratar um seguro viagem antes de  embarcar vamos as dicas para não errar na escolha. Essa é a parte chata, mas muito necessária. Afinal, você não quer ficar desassistido caso preciso usar o seguro, né? A melhor maneira de evitar surpresas desagradáveis, ainda mais quando se está com algum problema de saúde, é tomar alguns cuidados antes de contratar seu seguro, na hora do planejamento da viagem. Veja quais são eles:

– Verifique se os  valores de cobertura médica estão de acordo com o destino que você vai. Como citamos acima, para conhecer 27 países europeus, por exemplo, é exigido uma cobertura mínima de 30 mil euros.

– Leia atentamente quais são os precedimentos para acionar o seguro e em quanto tempo e como é feito o reembolso caso o seguro seja acionado. Aqui, vale checar quais documentos são necessários para que você receba o benefício.

– Existem seguro-viagem para diversos perfis: gestantes, idosos, estudantes de intercâmbio e praticantes de esportes radicais, com planos individuais e familiares. Verifique qual atende melhor o seu perfil.

– Pesquise a reputação da empresa que pretende contratar o serviço. Se ela tem um histórico ruim, provavelmente, fechar com ela não será uma boa ideia. Sites como o Reclame Aqui podem te ajudar a descobrir quais experiência negativas outros clientes tiveram. 

Faça aqui a comparação do seu seguro viagem!

Viajante conta experiência

“Em 14 de Dezembro eu tinha uma viagem marcada para o Chile, essa viagem como todas as outras que faço, foi programada com um tempo de antecedência para que eu pudesse me organizar financeiramente para realiza-la e pesquisar sobre os passeios que gostaria de fazer.

Sempre compro minhas passagens com o apoio de um agente de viagens. E todas as vezes que o agente me oferece o SEGURO VIAGEM, em 90% das vezes eu nego, pois acredito que o valor investido nele, pode ser melhor aproveitado em um restaurante ou passeio. Nessa viagem não foi diferente, meu agente ofereceu o seguro (R$ 48) e no primeiro momento eu neguei. Mas um dia antes da viagem eu resolvi fazer, porém com uma pontinha de remorso.

No dia do embarque, ao chegar no aeroporto eu comecei a sentir uma indisposição, uma dor no meu estômago e sintomas muito parecidos com má digestão. Na hora imaginei que algum alimento tivesse feito mal, comprei um remédio para o estomago e segui a viagem. 

LEIA MAIS: Como usar o Facebook para organizar a sua viagem

Confira uma lista de presentes inspirados em viagem que custam até R$ 50

Chegando no Chile sob o efeito do remédio, eu estava melhor e dei início ao meu tão esperado passeio, porém o tempo passava o remédio deixava de fazer efeito, e novos sintomas surgiam. O primeiro sintoma a se juntar à dor de estomago foi a dor nas costas, depois a sensação de bexiga cheia e por fim o corpo todo dolorido como a sensação de quem está com uma gripe muito forte.

Até que ficou insuportável, e os remédios já não estavam mais fazendo o efeito. Expliquei para minha amiga que na hora se fez solicita e entramos em contato com o SEGURO VIAGEM, prontamente fomos encaminhadas à uma clínica próxima onde recebi os primeiros socorros. Meu primeiro diagnóstico foi Infecção de urina em estágio avançado. Fizeram todos os exames, fui medicada para o meu retorno ao Brasil. O atendimento foi de primeira, e o suporte que a seguradora e meu agente deram foi essencial.

Quando retornei, fui internada, e com base nos exames feitos no Chile e mais uma pancada de exames feitos aqui, meu diagnóstico final foi APENDANGITE EPOCLÓICA (trocando em miúdos: uma trombose na gordura do intestino grosso), que causou essa infecção que passou para o meu estômago e parte renal.

Ou seja, a minha teimosia em não procurar ajuda e me auto medicar fez com que esta infecção caminhasse e piorasse todo o quadro clinico.

Então o que fica de aprendizado nessa história:
– NUNCA FAÇAM UMA VIAGEM SEM FAZER UM SEGURO (esses R$48 salvaram a minha vida)
– É IMPORTANTE SIM SE POR NO LUGAR DO OUTRO, MAS NUNCA SE DEIXE PARA SEGUNDO PLANO.
– COM SAÚDE NÃO SE BRINCA”

Relato da Juliana Leitão, publicado no grupo Mochileiros na Europa

 

Seguro viagem geral 728x90

 

Contrate seu seguro

O Kari Desbrava é afiliado da Real Seguro e, através dela, você pode fazer a cotação do seguro que melhor lhe atende. A Real Seguro é um buscador que lhe mostrará os preços e planos disponíveis nas mais variadas empresas. 

Contratei meu seguro viagem para a Argentina e gostei bastante do atendimento. Assim que realizei a pesquisa, recebi a ligação de uma atendente que foi super solícita e me ajudou a escolher o seguro que melhor me atendia.

Além disso, contratando o seguro através do blog você ajuda o Kari Desbrava a continuar produzindo conteúdo de qualidade sem pagar nada a mais por isso. 

Se ainda ficou alguma dúvida sobre como funciona um seguro viagem, confira o vídeo abaixo: 

***

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe:
0 In Mais recentes/ Promoção/ Viagens

Site dá desconto em passagens aéreas a cada vitória do Brasil

Avião
Compartilhe:

Durante a Copa do Mundo, o Decolar.com lançou uma promoção que presenteará os clientes da companhia cada vez que a Seleção Brasileira vencer uma partida. A ação “Golaço Decolar” oferecerá descontos de até R$350 na compra de passagens aéreas, realizadas exclusivamente pelo app da empresa, para destinos nacionais e internacionais. A promoção terá início no próximo domingo, dia da estreia do Brasil na Copa do Mundo, até a última participação da Seleção no campeonato.

LEIA MAIS: 15 curiosidades sobre a Rússia, sede da Copa do Mundo 2018

A cada fim de partida, marcada pela vitória do time brasileiro, o Decolar.com enviará uma notificação aos clientes, via app, com a frase “Golaço Decolar” e a informação do desconto, que será aplicado automaticamente ao final da compra. Já no primeiro jogo, o desconto será de R$100 para todos os voos com destino ao Nordeste, exclusivamente para as primeiras 400 pessoas que comprarem pelo app. Na segunda partida, os primeiros 150 clientes vão economizar R$350 para Las Vegas e Miami. Na terceira disputa do Brasil, o desconto também será de R$350 para os 100 primeiros viajantes que desejam conhecer a Europa.

Para utilizar a promoção, o cliente deve apenas baixar o app gratuito da empresa, disponível para os sistemas Android e iOS, acompanhar o desempenho da Seleção e escolher o destino de sua preferência. Ou seja, não é necessário incluir nenhum código ou fazer qualquer tipo de inscrição. Os viajantes poderão realizar a compra, já com o novo valor, logo após o final da partida e até a meia noite do mesmo dia do jogo, uma vez que o desconto não é cumulativo.
**

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe:
0 In Felicidade/ Mais recentes/ Para mulheres/ Viagens

4 motivos para continuar viajando sozinha mesmo namorando

Mulher sentada em um banco
Compartilhe:

Dia dos namorados, cheiro de romance no ar e porque não pensar por quais motivos podemos e devemos continuar viajando sozinha mesmo depois de começar a namorar? Poderia escrever sobre destinos para viajar em casal, mas resolvi seguir na contramão e continuar incentivando a mulherada (e os homens também!) a viajar mesmo estando em um relacionamento. Vamos conferir?

Você não nasceu grudada (o) com ninguém

Tem mulheres (e homens!) que começam a namorar e esquecem da vida social e dos amigos. Os motivos para isso são vários, mas creio que o maior seja a insegurança. Acham que se saírem vão dar motivo para briga ou o outro vai sair também. E qual o problema dele (a) sair também?

LEIA MAIS: 14 blogueiras incentivam garotas a deixarem o medo de lado e viajarem sozinhas

Dicas para planejar uma viagem sozinha

Lembre-se que você não nasceu grudada com ninguém! Desculpe a estupidez, mas se você não é uma gêmea siamesa, não tem motivo para ficar dependendo da companhia de outra pessoa para fazer as coisas, como viajar, por exemplo.

Demonstra confiança

Confiar em quem nos relacionamos é fundamental para um namoro/casamento dar certo. E quer prova maior de amor do que seu amado ficar tranquilo com o fato de você viajar sozinha e vice e versa? Se você está em um relacionamento assim, onde a confiança impera, levante as mãos para o céu e agradeça! Caso não, procure melhorar isso e se não der, corra! Ou melhor, pegue as malas e viaje! hehehe 

Mulher em frente as ruínas

Desbravando a Ilha de Marajó na minha própria companhia

Mantemos a individualidade

Namorar é bom demais! Mas, manter a individualidade é super importante. Você tem uma história antes do relacionamento (e ele também!), jamais se esqueça disso. Precisamos ter tempo para tudo, inclusive para nós mesmos. Às vezes é preciso nos reconectamos conosco, darmos um tempo do outro para voltarmos a sermos companhias ainda melhores. E uma viagem solo é uma oportunidade para se autoconectar. Seu relacionamento com certeza vai agradecer 😉

LEIA MAIS: Viajar sozinha é perigoso?’ | Por Elma Souza

Insegurança, falta de dinheiro e de tempo livre impedem que as brasileiras viajem mais, aponta pesquisa

Voltamos cheias de história para contar

Viajar sozinha é sinônimo de voltar cheia de história para contar. É um lugar que você conheceu e achou a cara dele, é uma foto que você precisa mostrar pro seu companheiro, ou uma comida exótica que experimentou e deseja compartilhar como foi esse fato. Não importa tanto o que você tem para contar, aqui o mais legal é o fato de compartilhar o que se aprendeu com quem se ama. Isso renova e traz um frescor pro relacionamento, que é necessário para enfrentar o que a rotina é capaz de minar.

Nesse Dia dos Namorados desejo que você que lê esse texto seja muito feliz independente de ter um relacionamento ou não. Que viaje muito independente do seu estado civil e que aproveite todas as chances que tem de se fazer feliz!

E aí, você tem motivos para continuar viajando mesmo estando em um relacionamento que não estão no texto acima? Deixa nos comentários!

**

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe:
0 In Mais recentes/ Viagens

Três anos de #KariDesbrava: as melhores matérias do blog

Compartilhe:

Hoje, 25 de abril, o blog completa TRÊS ANOS. De lá pra cá muita coisa bacana aconteceu, mas um fato continua igual: o nosso compromisso com o despertar a vontade de viajar o mundo e de desbravar a própria cidade em cada pessoa que nos lê!

Queremos mostrar para vocês, queridos leitores, que viajar não precisa ser caro e, que se você tornar a viagem uma prioridade, com certeza mais destinos serão carimbados no seu passaporte. Queremos mostrar, que independente de tempo e de dinheiro, é possível olhar para o lugar onde se vive sempre com um novo olhar. Queremos mostrar que sozinha ou acompanhada é sempre bom desbravar!

Nesse anos, muitas matérias sobre esses assuntos foram produzidas aqui no #KariDesbrava. Confira agora uma retrospectiva das melhores matérias desses 3 anos de existência:

1 – Como e por que ser turista na própria cidade?

Desde o boom das redes sociais somos bombardeados de fotos dos mais diversos lugares do mundo. É a famosa que passa as férias em Fernando de Noronha. É a blogueirinha que a cada dia está em um canto diferente. Ou aquele conhecido que viajou para o outro lado do mundo. Vejo pessoas reclamando que não conhecem o destino dos sonhos, mas quando pergunto se já foram no ponto turístico famosão da própria cidade, a resposta é não. Por que conhecer o estado/país do outro é sempre mais interessante que o nosso? Leia a matéria completa aqui.

2 – Oito formas de acumular milhas aéreas

Acumular milhas deve ser a missão de toda a pessoa que quer viajar mais. Através delas, é possível economizar uma boa grana e usar o dinheiro que seria destinado para as passagens aéreas para outras despesas da viagem. Sem contar, que o valor das passagens são uma das grandes despesas, se não a maior, quando se pensa em viajar. Ouço muita gente falar que não viaja mais porque é caro. Então, que tal juntar milhas, comprar suas passagens com os pontos e fazer a viagem ser mais barata? Leia a matéria completa aqui.

3 – Insegurança, falta de dinheiro e de tempo livre impedem que as brasileiras viajem mais, aponta pesquisa

Sempre me perguntei por qual motivo as mulheres ainda viajam menos que os homens no Brasil. Bom, agora tenho a resposta para minha dúvida… Segundo uma pesquisa realizada pelo Voopter, em que mais de 5 mil mulheres foram ouvidas, os principais motivos para não viajar sozinha são: pouco dinheiro, falta de tempo e insegurança. Leia a matéria completa aqui.

4 – Como economizar até R$ 6 mil por ano e viajar mais

Existem várias formas de se economizar para conseguir viajar mais. Mas, se engana quem acha que para juntar essa grana é preciso fazer grandes cortes no orçamento. Na grande maioria dos casos, uma pequena mudança de hábito já faz grande diferença e já te permite juntar uma boa quantia. Leia a matéria completa aqui.

5 – Por que experiências valem mais que objetos

Experiências valem muito mais que objetos. Digo isso com propriedade, pois objetos se deterioram, experiências ficam. Não importa se você comprou uma blusa, um carro, uma casa, uma máquina fotográfica… Com o tempo, tudo isso vai ficando velho, pode quebrar, você pode perder, podem te roubar. Ah, agora as experiências que você viveu… essas ninguém leva! Leia a matéria completa aqui.

6- Dicas para planejar uma viagem sozinha

Viajar sozinha não é um bicho de sete cabeças. Mas, claro, que é necessário alguns cuidados a mais para evitar problemas. A preocupação vai desde a segurança de quem viaja sozinha (principalmente se for mulher) aos gastos, que podem ficar maiores do que em uma viagem dividida com alguém. Leia a matéria completa aqui.

7- Manual de sobrevivência: Carnaval no Rio de Janeiro

O Carnaval tá chegando e a Cidade Maravilhosa se prepara para a folia. Essa festa, seja na Sapucaí, seja na rua com os famosos blocos, encanta turistas do mundo todo. Eis então, o motivo deste post. Uma ajudinha para quem decidiu passar esses quatro dias por aqui. Um verdadeiro manual de sobrevivência para quem quer aproveitar o melhor do Rio de Janeiro. Leia a matéria completa aqui.

8- Cinco aplicativos para ajudar você a se virar no Rio de Janeiro

Quando vamos viajar ou até mesmo para nos “virar” melhor na própria cidade recorremos a ajuda da tecnologia para nos facilitar a vida. Às vezes, fico pensando como era mais difícil viajar sem as facilidades do mundo moderno. Mas hoje vivemos em outros tempos, que sem dúvidas é muito mais fácil. Pensando nisso, fiz uma lista (ou melhor um infográfico) de cinco aplicativos super úteis para serem utilizados por quem vem ou mora na Cidade Maravilhosa. Leia a matéria completa aqui.

9 – Glossário do viajante: Entenda o significado de alguns termos

É curioso, e totalmente normal, como nos atrapalhamos com alguns termos quando estamos começando a entender de um assunto novo. Se você é um viajante inexperiente pode ser que já tenha visto por aí algum termo que não entendeu direito o que significa. Então, resolvi listar algumas palavras do universo viajante e explicar seus significados para ajudar aqueles que ainda estão iniciando neste mundo. Leia a matéria completa aqui.

10 – Infográfico: 10 dicas de segurança para viajantes

Quando estamos viajando é preciso tomar alguns cuidados com nossa segurança. Geralmente, esquecemos disso, pois estamos de férias e não queremos esquentar a cabeça. Mas, não se preocupe, reuni em um infográfica 10 dicas do que você deve se atentar para evitar perrengues durante as viagens. Leia a matéria completa aqui.

***

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe:
0 In Listas/ Mais recentes/ Viagens

Como e por que ser turista na própria cidade?

Rio de Janeiro
Compartilhe:

Leia ouvindo Ponto de Vista, Casuarina

Desde o boom das redes sociais somos bombardeados de fotos dos mais diversos lugares do mundo. É a famosa que passa as férias em Fernando de Noronha. É a blogueirinha que a cada dia está em um canto diferente. Ou aquele conhecido que viajou para o outro lado do mundo. Vejo pessoas reclamando que não conhecem o destino dos sonhos, mas quando pergunto se já foram no ponto turístico famosão da própria cidade, a resposta é não. Por que temos a mania de achar a que a grama do vizinho é sempre mais verde? Por que conhecer o estado/país do outro é sempre mais interessante que o nosso?

Viajar é bom demais sim. Mas, nem sempre a gente tá com grana para isso. E nesses momentos, ou em qualquer outro, que tal olhar a sua cidade com novos olhos?

Quer saber como? Abaixo listo QUATRO motivos de como fazer isso:

1 – Pesquise

Saia do lugar comum. Não é porque é a cidade onde você vive que não tem nada novo. Deixe os programas rotineiros de lado e busque por coisas novas. Vale procurar em guias de viagem, pedir sugestões de amigos, buscar em blogs…. Todas essas fontes podem te ajudar a construir um novo olhar sobre o lugar onde você está. 

Parque Penhasco Dois Irmãos: muitos cariocas nunca ouviram falar

2 – Deixei a preguiça de lado e vá!

Sai desse sofá. Para que deixar para conhecer lugares incríveis ou pessoas interessantes só na viagem de férias? Se tá com preguiça de ir por falta de companhia chama seus amigos, o namorado (a). E se ninguém topar, procure por grupos que fazem passeios pela cidade. Eles são uma ótima forma de conhecer gente! Aqui no Rio de Janeiro indico o Sou Mais Carioca, o Pé Na Trilha RJ ou o Rolé Carioca

Mureta da Urca

3 – Faça disso uma meta e cumpra!

Anote na agenda, estipule datas para visitar tais lugares, como por exemplo visitar um lugar por mês. Transforme conhecer a sua cidade em uma meta e não deixe de cumpri-lá. Te garanto que você não vai se arrepender! 

4 – Crie um novo olhar

Tudo na vida é questão de ponto de vista. Se você olhar a cidade onde vive com mais atenção com certeza (re)descobrirá cantinhos e se surpreenderá com o que viu 😉 

Por outro ângulo: relógio da Central do Brasil visto do Terreirão do Samba

 

*Esse post é um manifesto do blog e faz parte do movimento #DesbraveSuaCidade, idealizado pelo Kari Desbrava, e que tem o objetivo de incentivar as pessoas a conhecerem mais da cidade onde vivem.

***

Se você achou esse texto interessante compartilhe com seus amigos nas redes sociais! Assim, além de ajudar o blog, você ainda ajuda algum amigo que precisa saber dessas informações! 

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



Compartilhe: