Browsing Category

Carioquices

10 In Carioquices/ O que comer no Rio/ O que fazer no Rio/ Rio de Janeiro

Manual de sobrevivência: Carnaval no Rio de Janeiro

carnaval_kari_desbrava

O Carnaval tá chegando e a Cidade Maravilhosa se prepara para a folia. Essa festa, seja na Sapucaí, seja na rua com os famosos blocos, encanta turistas do mundo todo. Eis então, o motivo deste post. Uma ajudinha para quem decidiu passar esses quatro dias por aqui. Um verdadeiro manual de sobrevivência para quem quer aproveitar o melhor do Rio de Janeiro.

A cidade do Rio

Como uma metrópole, o Rio de Janeiro é cheio de contrastes. E eles já começam na geografia da cidade. Cercado pelo mar e por montanhas, a chegada ao Rio pode ser algo que te deixa literalmente de boca aberta por causa da vista.

Rio de Janeiro_Kari_Desbrava

Além disso, tem toda aquela coisa da desigualdade social, que também é bem visível durante um passeio. Aqui, favela e asfalto andam literalmente junto & misturado. Que honestamente, é o grande charme do Rio.

Por conta dessa mistura, temos um dos maiores carnavais do mundo, com desfiles das escolas do Grupo Especial, Grupo A e as escolas mirins na Sapucaí e os 452 blocos (número de blocos oficiais deste ano!!!) que põe os foliões para dançar.

Dicas Gerais

Para aproveitar o melhor da Carnaval no Rio, separei algumas dicas. Diferente de outras cidades do Brasil, o Carnaval por aqui é na cidade toda. No Centro, da Zona Sul a Zona Norte, na Zona Oeste. Em todo canto vai ter um bloquinho passando. Por isso, é bom ficar atento a algumas questões. Vamos a elas:

Não use carro

Ir de carro para bloco ou para os desfiles na Sapucaí é furada na certa. Vai ser difícil de achar um lugar para estacionar, sem falar no trânsito de pessoas, que em alguns locais podem ser milhares, ruas fechadas, interferindo na sua rota. Olha, motivos para deixar o carro em casa é o que não falta. Por isso, dê preferência para usar o transporte público. Com o metrô, você consegue se deslocar para os principais eventos que rolam na cidade nesta época do ano, sem transtorno. Ah, vale lembrar que durante o Carnaval o Metrô Rio funciona 24 horas. (Podia ser sempre assim, né??!)

Leia mais: 5 aplicativos para ajudar você a se virar no Rio de Janeiro

Saiba para onde vai

Saber para onde vai está intimamente ligado a dica acima. Se você sabe para onde quer ir vai conseguir se planejar como chegar no local desejado, sem precisar apelar para um táxi ou Uber e gastar uma grana com deslocamento. Como falei acima, dê preferência para o transporte público.

Banheiros

Achar banheiros durante o Carnaval pode ser uma missão complicada. A Prefeitura disponibiliza os banheiros químicos, mas eles estão longe de dar vazão para a quantidade de pessoas que vem para a cidade. Por isso, quando pintar aquela vontade de ir ao banheiro, vá logo! Assim, você evita fazer xixi na rua. Além de sem uma falta de educação tremenda, fazer xixi na rua pode render multa no valor de R$ 510.

Visual leve

O Rio é uma cidade tropical. Por isso, o clima aqui é quente e úmido. Normalmente, é um solzão durante o dia, com sensação térmica pra lá de quente, com chances de pancadas de chuvas durante a noite. Ou seja, usar roupas pesadas e com muito tecido durante o dia não é uma boa ideia. Dê preferência para tecidos leves e roupas fresquinhas.

Usar um bom tênis para não machucar o pé com latas, garrafas, entre outros objetos, também é uma boa pedida. E não esqueça dos óculos de sol e protetor solar.

Ah, também vale carregar uma capa de chuva ou guarda-chuva caso você não queira correr o risco de se molhar.

Hidratar sempre

Por causa do tempo quente, é sempre bom se hidratar. E não tô falando de bebida alcoólica e sim de água mesmo. Intercalar a cerveja com copos d’água é uma forma de evitar a ressaca  e ter mais disposição no dia seguinte.

Segurança

Resolvi abrir um tópico especialmente para segurança por motivos meios óbvios. Infelizmente, o Rio de Janeiro é manchete por vários casos de violência. Não tô aqui para fazer alarde, pois toda metrópoles sofre com problemas de segurança.

“Ah, então por qual motivo abriu um tópico só para falar disso?”

Para alertar e desmistificar algumas coisas. Primeiro, é preciso ter cuidado em qualquer parte do mundo. E aqui no Rio, indico não andar com objetos de valor como cordões e celulares a mostra. Furtos e roubos desses objetos infelizmente são muitos comuns por aqui. Então, para evitar dor de cabeça tenha atenção.

Uma outra dica, é não levar para o bloco seu smartphone de última geração e sim um celular mais velhinho. Assim se acontecer algo, você não terá um grande prejuízo. Ou então, use uma doleira. E coloque nela somente o essencial.

Nada também de anda por ruas escuras, desertas e todas aquelas medidas de segurança que normalmente temos.

De resto, se joga e aproveita!

Como se locomover

Metrô

Se você vai para os blocos do Centro ou da Zona Sul, a melhor forma de chegar é de metrô. Assim, você evita ficar preso no trânsito e perder a festa. Para usar o metrô no Rio é muito fácil. Compre um bilhete pré-pago na bilheteria e recarregue-o sempre que os créditos estiverem acabando. Desta forma, você evita ter que ficar circulando com muito dinheiro por ai sem falar que evita pegar filas, economizando tempo.

O Rio tem três linhas: 1, 2 e 4. A linha 1 vai de Botafogo à Pavuna. A 2 da estação Uruguai até General Osório/Ipanema. E a 4 de General Osório até Jardim Oceânico (na Barra da Tijuca).  Durante o Carnaval, o metrô funciona 24 horas e não é preciso fazer baldiação na estação Estácio.

Se você vai para o Sambódromo deve descer na Estação da Praça Onze (linha 1) e caminhar até o até a Av. Marquês de Sapucaí.

VLT 

De VLT você pode passear pelas principais ruas do Centro do Rio. Logo, ele é uma ótima opção se você deseja curtir os blocos por essa região. Além disso, o VLT passa pela Rodoviária Novo Rio e pelo Aeroporto Santos Dumont, pontos de chegada e partida da cidade. Outro fator positivo, é que ele passa por diversas estações de metrô e por atrações como a Orla Conde, onde fica o Museu do Amanhã, o Museu de Arte do Rio, o grafite “Etnias”, pintado pelo Kobra, o Aquario, entre outras.

Mapa das estações do VLT Foto: Reprodução

Mapa das estações do VLT Foto: Reprodução

BRT 

O BRT passa por boa parte da Zona Norte, Oeste e tem integração com o metrô facilitando a vida de quem quer chegar na Zona Sul e Centro. Existem duas linhas: BRT Transoeste e o BRT Transolímpica, como é possível ver na imagem abaixo. Dependendo do lugar da cidade para onde você vai, ele é uma boa opção.

mapa-estacoes_brt_kari_desbrava

Clique na imagem e veja o mapa ampliado

Ônibus

De ônibus você consegue se deslocar pelo Rio todo. Apesar da variedade de linhas, durante o Carnaval não é a melhor opção, devido as interdições de trânsito. Sem falar, no risco de ficar preso no engarrafamento. Realmente, se você tiver indo para a muvuca, opte pelo metrô e/ou BRT/VLT.

Onde se hospedar

– Ibis Botafogo, Copacabana e Centro

A rede Ibis é uma rede de hotel que preza pelo conforto e preço em conta. Apesar de não ter me hospedado nos hotéis da rede que ficam na Cidade Maravilhosa, me hospedei no Ibis de Belo Horizonte e adorei a experiência. Levando em consideração que geralmente redes de hotel seguem o mesmo padrão, o Ibis e uma ótima opção.

-Hostelzinho Vidigal 

O Hostelzinho Vidigal é um hostel que fica na Favela do Vidigal. Se você não conhece uma comunidade carioca e tem curiosidade, ele pode ser uma boa opção. Lembrando que a favela do Vidigal é pacificada.

Além disso, no Vidigal você pode conhecer o Bar da Laje e fazer a trilha do Morro Dois Irmãos, uma das mais bonitas vistas do Rio.

-Casa Francisco

Localizada em Santa Teresa, a Casa Francisco é super bem avaliada pelos viajantes no Booking. Com nota 9,5, quem se hospedeu nela avaliou bem os quesitos: limpeza, conforto, localização, comodidade, funcionários e custo-benefício.

– Airbnb

Se você não curte hostel, nem pousada e não quer gastar rios de dinheiro em um hotel um boa opção é se hospedar através do Airbnb. Nesse post contei como funciona o serviço, além de trazer a experiência de outros viajantes que já usaram a plataforma. Outro ponto que deve ser destacado, é que no Airbnb você se hospeda na casa de um local. Logo, você verá a cidade através dos olhos deste morador.

Se você se interessou por essa experiência, receba R$ 100 de desconto em sua primeira aventura na plataforma!

Você também pode procurar mais opções de hospedagem no Booking.com. Assim você ajuda o Kari Desbrava a continuar produzindo conteúdo de qualidade sem pagar nada a mais por isso!

Onde comer

– Dona Olinda 

Com um buffet variado, o Dona Olinda é uma alternativa para quem está hospedado na Barra da Tijuca. Com boa comida, a padaria e restaurante também tem vista para a praia do Pepê.

Pães e bolos

– Bar da Laje

Localizado no Vidigal, o Bar da Laje é um restaurante point da cidade. A comida é gostosa e tem uma vista de cair o queixo. Recomendo o espetinho de Salsichão com um cerveja, ou então, a feijoada.

Bar_da_Laje

– Cadeg

O Cadeg é uma espécie de mercadão do Rio de Janeiro. Ele fica em Benfica, na Zona Norte do Rio. Lá você encontra bons restaurantes e lojas que vendem diversos artigos, como bebidas, comidas, plantas, flores, entre outro.

– Confeitaria Colombo

Tradicional, a Confeitaria Colombo é um ponto turístico da cidade. Fundada em 1894, o prédio tem arquitetura que remete a época em que o Rio era capital da República. Vale o passeio pela comida e sem dúvida nenhuma pelo ambiente.

A Colombo também criou uma filial no Forte de Copacabana e recentemente no aeroporto do Galeão. Apesar de ambas terem os mesmos quitutes, a mais bonita arquitetura com certeza é a da original.

– Arab

O Arab é um restaurante de comida árabe que fica na Lagoa Rodrigo de Freitas. Visitá-lo vale tanto pela comida quanto pela vista, que mais uma vez, é exuberante.

O que fazer

Os pontos turísticos clássicos:

-Corcovado

O Morro do Corcovado certamente é o ponto turístico mais conhecido do Rio. É lá que fica o Cristo Redentor e a vista mais linda da cidade (acho que já disse várias vistas mais lindas nesse texto, mas é que o Rio tem muita vista linda e não consigo eleger somente uma, ok?). Visitá-lo é quase uma obrigação quando se vem ao Rio.

E há diversas formas de chegar no Cristo, mas as mais comuns são: de van — com pontos de partida no Largo do Machado, Copacabana, Barra da Tijuca e Paineiras — ou de trem, com ponto de partida no Cosme Velho. Se for de van,   recomendo a parada no Centro de Visitantes das Paineiras, inaugurado antes dos Jogos Olímpicos 2016. 

Corcovado_kari_desbrava

-Pão de Açúcar

O bondinho do Pão de Açúcar também é bem conhecido por turistas. A atração fica no bairro da Urca, na Zona Sul da cidade.  Os ingressos para visitação custam R$76 para adultos. Menores de 6 anos não pagam. O horário de visitação é de 8h às 19h50.

Serviço: Av. Pasteur, 520 – Urca. Tel. 2546-8400

-Praias de Copacabana e Ipanema

Copacabana e Ipanema são dois clássicos cariocas. Passear pela orla das duas praias é um programa e tanto. Você também pode andar de bicicleta, patins, skate, jogar vôlei, altinha. A regra aqui é se divertir. 

ipanema_kari_desbrava

-Vista Chinesa

A Vista Chinesa é um mirante em estilo chinês que fica no bairro do Alto da Boa Vista, dentro da Floresta da Tijuca. De lá você consegue ver o Corcovado, o Pão de Açúcar e o Morro Dois Irmãos.

-Centro histórico e Lapa

Muita gente quando lembra do Rio só  fala das belezas naturais. O que algumas pessoas esquecem é que o Rio de Janeiro já foi a capital da república e muito da história do Brasil aconteceu por aqui. Tanta história é refletida na arquitetura da cidade e monumentos. A maioria deles pode ser visto na região Central da cidade que engloba áreas como Centro, Praça Mauá/Zona Portuária e Lapa.

No Centro é possível conhecer o Theatro Municipal, o Museu de Belas Artes, o Real Gabinete Português de Leitura, a Cinelândia, entre outros prédios que guardam um pouco do que foi a cidade.

Na Lapa, você encontrará muita diversão e badalação seja nos bares, casas de festa ou na rua. A Lapa aqui no Rio é o local onde todas as tribos se encontram e convivem.

Sai do óbvio 

Parque das Ruínas e Santa Teresa

O Parque das Ruínas fica em Santa Teresa e tem uma das vistas mais bonitas do bairro. O local também tem um Centro Cultural com programação para toda família. É um bom passeio para casal, família, amigos e até mesmo sozinho. 

7cf25b_97e906b800164841a9e82f8b58e51b20

O bairro de Santa Teresa também é um espetáculo a parte com muitos bares e ateliês. O passeio por ele com certeza é encantador.

Serviço: Parque das Ruínas. Rua Murtinho Nobre, 169 – Santa Teresa. Telefone: (21) 2215-0621/2224-3922

– Grumari

Grumari é o paraíso escondido. É uma praia rústica e relativamente vazia, se comparado com as praias da Zona Sul, que fica na Zona Oeste da cidade. Para chegar lá, só com carro.  Leia mais sobre esta praia neste post.

grumari_kari_desbrava

– Joatinga 

Bonita por natureza. Assim defino a Joatinga. Com cerca de 300 metros de faixa de areia, a praia é pequena mais é uma graça. Com um ar mais rústico do que outras praias urbanas, a Joatinga consegue ser ainda assim aconchegante. Leia mais sobre esta praia neste post.

Vista da Praia da Joatinga Foto: Karilayn Areias

Vista da Praia da Joatinga Foto: Karilayn Areias

– Voe de asa delta

Uma das experiências mais loucas e gostosas que já fiz e que recomendo para todo mundo. O Rio tem uma das pistas de vôo livre mais conhecidas do mundo e com uma vista (de nooooovo) incomparável!

Leia mais sobre como é voar de asa delta neste post.

DCIM104GOPRO

-Trilha da Pedra do Telégrafo

Essa trilha virou modinha no Instagram e viralizou na vida real. É lá que as famosas fotos em que a pessoa fotografada parecia estar a beira do precipício são tiradas. A trilha é um pouco puxada, mas vale cada segundo. E imagina qual o motivo de valer tanto? … Dessa vez não vou nem responder, hehehe

Pedra_do_telegrafo_kari_desbrava

– Trilha do Morro da Urca

Com tanta beleza natural o que não falta no Rio é trilha para fazer. E uma opção bem tranquila, até para aqueles que não estão acostumados com aventura, é a trilha do Morro da Urca. Com subida moderada, o tempo médio de duração da trilha é de 45min.

KariDesbrava Morro da Urca Trilha

Quanto custa viajar para o Rio de Janeiro?

De acordo com o site Quanto Custa Viajar, uma viagem para o Rio custa em média R$ 105 por dia. Fiz uma simulação de 8 dias na cidade maravilhosa e viajando no modo mochileiro, a média de gasto total da viagem é de R$ 993. No modo econômico, a estimativa é de que cada pessoa gaste R$ 1.532 durante a viagem. Já no modo conforto, uma viagem para o Rio pode custar em média R$ 3.134. 

Para visualizar a simulação clique aqui.

Uma coisa que gosto de ressaltar é que esses gastos são uma estimativa. Você pode gastar mais ou menos dependendo do seu modo de viagem e prioridades. Os valores acima são somente um norte para quem deseja planejar uma viagem ao Rio.

‘Top 100 atrações do Rio de Janeiro’

Se você quer mais dicas de como se divertir no Rio de Janeiro baixe o e-book ‘Top 100 atrações do Rio de Janeiro’. A publicação, feita por blogueiras do coletivo De Viagem em Viagem e colaboradoras, é GRATUITA e tem dicas de praias, trilhas, rodas de samba, Rio com crianças, Rio em dias de chuva, restaurantes, entre outros.

CLIQUE AQUI E BAIXE O E-BOOK

ebook_kari_desbrava

E aí, ficou alguma dúvida? Me conta nos comentários que a gente conversa!

Ah, e se você gostou deste post compartilhe nas redes sociais :)

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



0 In Carioquices/ Rio de Janeiro

Top 10: Músicas para ouvir no Dia Nacional do Samba

Tamborim e cerveja e uma roda de samba

Hey desbravadores!

No dia 2 de dezembro é comemorado o Dia Nacional do Samba. Esse ritmo, que nasceu aqui no Rio, é uma marca da cidade e já fez fama no mundo todo. E para homenagear esse gênero musical que tanto gosto, selecionei 10 músicas que valem a pena ser ouvidas. 😉

Leia mais posts sobre samba aqui

Moro lá – Samba do Buraco do Galo

Pindaíba – Castelo Neto

Pra matar preconceito – Marina Iris e Nina Rosa

Lendas da Mata – DVD Terreiro de Crioulo

Vara de Família – Galocantô

O samba não é moda – Luiz Fernando

Azul, verde e branco – Douglas Castilho

Qual é seu Ilê – Mario Jr.

Nossa escola – Trio Preto

Se a fila andar – Toninho Geraes

E para vocês, qual música deveria estar nesta lista? Me conta nos comentários!

Beijos,
Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



1 In Carioquices

Como se divertir no Rio sem gastar nada!

Cachoeira_Horto_Kari_Desbrava

Algo que eu adoro é encontrar uma forma de me divertir sem precisar gastar rios de dinheiro. Até porque o dinheiro economizado pode ser guardado para a próxima viagem (veja neste post 15 dicas para economizar dinheiro para viajar). E a blogagem coletiva deste mês do grupo no Facebook Pequenos Grandes Viajantes fala justamente disso. :)

13103261_10154908282309569_7980177510934271198_n

Abaixo listo alguns lugares do Rio de Janeiro que você pode conhecer sem gastar ou pelo menos gastando pouco.

1 – Palácio Guanabara

O Palácio Guanabara fica em Laranjeiras, Zona Sul do Rio. É nele que governador do Estado trabalha. Além disso, o Palácio tem uma história riquíssima já que diversas personalidades históricas como Princesa Isabel e Getúlio Vargas moraram lá. Já contei para vocês aqui como foi minha visita ao Palácio. O passeio é gratuito e pode ser agendado pelo site do Governo do Estado do Rio.

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

2 – Feira das Yabás

Todo segundo domingo do mês o subúrbio do Rio recebe uma enxurrada de cultura. A Feira das Yabás reúne boa música e comida afro-brasileira na Praça Paulo da Portela, em Oswaldo Cruz. O evento reúne diversas barraquinhas, cada uma vendendo um quitute diferente. Tem vaca atolada, mocotó, rabada com batata, entre outros.

Foto: Reprodução Facebook/ Feira das Yabás

Foto: Reprodução Facebook/ Feira das Yabás

3- Trilhas

O Rio de Janeiro continua lindoooo…. Este verso nunca fez tanto sentido. Uma boa forma de descobrir o Rio é apreciar suas paisagens naturais. Tem a trilha do Morro da Urca , da Pedra da Gávea, da Pedra Bonita, do Morro dos Irmãos, do Cristo Redentor, da Pedra do Telégrafo, etc, etc, etc. O que não falta nessa cidade é opção de trilha, rs.

Kari Desbrava Pedra do Telegrafo 3

Trilha da Pedra do Telégrafo Foto: Arquivo Pessoal

4- Cachoeira do Horto

Quem não gosta muito de praia, mas mesmo assim não quer deixar de se refrescar, uma boa opção é ir em uma cachoeira. Recomendo a do Horto, que fica no Parque da Tijuca.

Chegar lá é fácil: você pode ir tanto de ônibus (pegue o 409 [Saens Pena x Jardim Botânico – Horto], desça no ponto final e ande cerce de 20 minutos até a primeira cachoeira) ou vá de carro/uber/táxi.

Cachoeira_Horto_Kari_Desbrava

Foto: Karilayn Areias

Mais informações: http://www.parquedatijuca.com.br/

5- Catedral São Sebastião do Rio de Janeiro

A Catedral encanta por dentro e por fora. Tem uma arquitetura muito bonita que chama a atenção de longe. Já por dentro, os vitrais fascinam quem vai visitá-la. Vale a pena conferir mesmo que você não seja uma pessoa religiosa. A Catedral fica aberta todos os dias das 7h às 17h.

Catedral_do _Rio_Kari_Desbrava

Foto: Karilayn Areias

 

Mais informações: http://www.catedral.com.br/

 

Você também vai gostar de ler:

Oito coisas de graça para se fazer no Rio

Três formas de conhecer o Rio sem gastar dinheiro

Outros blogueiros também deram suas dicas de como se divertir sem colocar a mão no bolso em outras cidades. Confira:

Casal Califórnia20 atrações gratuitas em Los Angeles

Pequenos pelo MundoPasseios gratuitos para crianças em qualquer lugar do mundo

Destinos por onde andei…Como aproveitar Nova York sem gastar nada ou muito pouco

Trilhas e Cantos20 atrações grátis em Madri, Espanha

Mariana ViajaEntrada gratuita em 9 museus pelo mundo: veja dias e horários

Fourtrip5 trilhas no Rio de Janeiro e 3 ótimos motivos para fazer: faz bem a mente, ao corpo e ao bolso!

A Path to Somewhere Como aproveitar Londres sem gastar (quase) nada

Tá indo pra ondeConhecendo Berlim sem gastar (quase) nada!

Apure GuriaParis de graça: 10 passeios imperdíveis

Gosto e ProntoO que fazer de graça em Orlando

D&D Mundo Afora8 atrações grátis para curtir com a família no Brasil

Por aí com os Pires10 atrações gratuitas no Rio de Janeiro

The World by Fon30 atividades grátis em Barcelona

ILoveTrip11 atrações imperdíveis (e GRÁTIS!) para curtir Santiago do Chile

O Melhor Mês do Ano7 atrações grátis (e IMPERDÍVEIS) na América do Sul

Virando Gringa8 Museus Gratuitos em Amsterdam

A Li na AlemanhaSão Paulo de graça – 10 atrações imperdíveis para se divertir sem pagar nada

Cantinho de Ná O que fazer em Las Vegas de graça

Ligado em Viagem O que fazer de graça (ou quase) em Dubai

Viagens Invisíveis Um dia em Atenas de graça

***

Se você gostou deste conteúdo compartilhe nas redes sociais. 😉

Beijos,

Kari.

Você sabia que através do ‪#‎KariDesbrava‬ você pode reservar seu hotel, contratar um seguro viagem ou alugar um carro? É só clicar nos links abaixo! Assim você resolve tudo da sua viagem e ainda ajuda o blog a se manter sem pagar nada a mais por isso.

Reserve seu hotel com Booking
Seguro Viagem Real Seguros
Alugue um automóvel com a Rentcars



0 In Carioquices

12 músicas que descrevem a lifestyle carioca

Cariocas_KariDesbrava

O Rio de Janeiro é a vitrine do Brasil. Famoso pelas belas paisagens, o seu estilo de vida inspira o cinema, a literatura e a música. E foi pensando nisso que fiz uma lista de 12 músicas que retratam a life style carioca. Saca só:

1 – Bebel – Farofa Carioca

Ao contar a história de um homem que se atrasa para encontrar a amada por causa do transtorno causado pela chuva, a banda Farofa Carioca, que tinha como integrante o cantor Seu Jorge, retrata com muito bom humor uma situação, digamos, complicada…

2 – Madureira – Arlindo Cruz

Aaaaaah, o meu lugar! Arlindo Cruz retrata Madureira e o subúrbio como ninguém nos versos dessa música. Ouvi-la é mergulhar no subúrbio carioca.

3 – O Rio de Janeiro continua lindo – Gilberto Gil

Nem preciso falar muito sobre essa canção, né? 😉

4- Carioca da Gema – Fundo de Quintal

O grupo Fundo de Quintal conta como o carioca leva a vida e retrata a boemia desse povo que é da ‘Zona Sul, Zona Norte, Suburbano, Metropolitano… Da noite, do dia!”. ♥

5- Mulher Carioca – Preta Gil

‘Mulher carioca’ mostra suingue que corre nas veias da mulherada do Rio…

6- Samba do Avião – Tom Jobim

Em ‘Samba do Avião’, Tom Jobim faz um verdadeira declaração de amor ao RJ.

8 – Carioca – Molejo

“O carioca é aquele que sai na escola de samba, mas na avenida ele é um bamba. O carioca é aquele que pelo Rio se inflama.
Arpoador, Copacabana. O carioca é aquele que vive de gozação. Mas ama seus companheiros, pois todos são seus irmãos”.

São palavras do grupo Molejo…

9 – Rio 40 Graus – Fernanda Abreu

Rio 40 Graus, que já superou a casa dos 40 faz tempo, é um clássico e nos conta com fidelidade todos os contrastes que o Rio tem.

10 – Cariocas são bacanas – Adriana Calcanhoto

Cariocas são bonitos. Cariocas são bacanas. Cariocas são sacanas. (…) Cariocas não gostam de dias nublados.

Não sou eu que tô falando, é a música, hehehe. Mas eu bem que concordo. 😉

11 – Som de preto -Amilcka E Chocolate

Nunca vi ninguém ficar parado escutando essa música. Além da batida contagiante, a letra traz uma mensagem contra o preconceito ao Funk.

12 – Nosso Sonho – Claudinho e Buchecha

Ao contar uma história de amor na música Nosso Sonho, Claudinho e Buchecha acabou prestando uma justa homenagem a todas as comunidades do Rio de Janeiro.

Para vocês qual música representa o estilo de vida carioca? Me conta nos comentários!

***

Se você gostou deste conteúdo compartilhe com seus amigos nas redes sociais. 😉

 

Beijos,

Kari.



0 In Aplicativos/ Carioquices

Aplicativo para descobrir a boa do Rio de Janeiro

Yelp_Surf_Party_Kari_Desbrva

A dica de hoje tem tudo a ver com o carioca, com o Rio de Janeiro, com tecnologia e com quem gosta de andar antenado. Fui convidada pelo pessoal da Yelp RJ a conhecer o evento promovido pelo aplicativo. O evento Yelp Surf Party aconteceu na altura do posto 6 da praia da Barra, na Zona Oeste do Rio, no Rio Surf Bar.

Participar do evento era muito simples. Bastava dar um chekin através do aplicativo da Yelp e pronto: Você ganhava uma pulseira e estava apta a usufruir das bebidas, petiscos e música ao vivo com o direito a ver aquele pôr do sol maravilhoso!

Yelp Surf Party tá rolando! No posto 6 da Praia da Barra. #karidesbrava #YelpSurfParty #riosurfbar @yelprj

Uma foto publicada por Kari Desbrava (@karidesbrava) em


O mais interessante do evento foi o clima de descontração, da galera animada e claro, aquele visual lindo. Você que não pôde participar pode ficar tranquilo. A Yelp promove eventos assim uma vez por mês. Então, se você não estava nesse fique ligado na página deles e fique por dentro das boa do Rio.

Vista da Praia da Barra, na altura do Posto 6 Foto: Karilayn Areias

Vista da Praia da Barra, na altura do Posto 6 Foto: Karilayn Areias

O evento é tão legal que resolvi divulgá-lo aqui no blog. E além de falar dele, também indico que vocês baixem o aplicativo da Yelp. O app é simples de mexer e nele vocês podem encontrar bons restaurante, festas, bares, cafés, farmácias, e até cardiologistas, como a descrição no site da Yelp explica. Tudo isso porque a Yelp é uma plataforma colaborativa em que cada usuário pode colocar a sua avaliação sobre o lugar visitado.

E aí me contem, quais aplicativos vocês costumam usar para achar coisas legais para fazer? Compartilhe comigo nos comentários!

***

Se você gostou deste conteúdo, compartilhe nas redes sociais. 😉

Beijos,
Kari.



0 In Carioquices

10 razões para amar o Rio de Janeiro

rio-de-janeiro-809755_1280

Hoje, dia 1° de março, o Rio tá fazendo 451 anos. E para homenagear a Cidade Maravilhosa listei 10 motivos para amar o Rio. Sei que temos nossos problemas (e que metrópole não tem?), mas aniversário é pra falar de coisas boas, certo? Então simbora!

1 – Aqui tá tudo junto e misturado. O Rio tem uma diversidade cultural incrível. E aqui, diferente de algumas cidades, você vê morro e asfalto se relacionando. No Rio, é possível ver um favelado pegando uma praia ao lado de um playboy. E, acredite, essa interação é muito legal.

2 – Temos bela praias. Com uma natureza exuberante fica impossível não admirar essa cidade. Copacabana, Ipanema, Leme, Arpoador, Leblon, Pontal, Barra, Joatinga, Pepê. Essas são apenas algumas das praias que embelezam a nossa orla.

Praia_Kari Desbrava

3- Temos muitas trilhas. Se você ama a natureza e gosta de ecoturismo o Rio com certeza é o destino certo. O que não falta por aqui é trilha: Morro da Urca, Pedra do Telégrafo, Costão de Itacoatiara, Dois Irmãos, Pedra da Gávea, etc, etc, etc… Posso passar dias e dias falando de lugares legais para trilhar.

4- Também temos museus. Quem gosta de programas mais light também pode curtir os museus da cidade. Quem nunca foi (ou pelo menos ouviu falar) do Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), Centro Cultural da Caixa, Oi Futuro, Museu Nacional de Belas Artes, Theatro Municipal, o recém inaugurado Museu do Amanhã, entre outros.

5- Cariocas são bacanas. Com toda modéstia que me cabe cariocas são legais pra c#$%&. Somos simpáticos, falantes, malandros (no bom sentido da palavra!), recebemos nossos convidados como ninguém. O que é sua cidade sem seu povo, não é mesmo? 😉

6 – Temos o samba. Berço do samba: não tem como falar do Rio sem falar desse ritmo. O Rio é casa de Cartola, de Martinho da Vila, de João Nogueira, de Arlindo Cruz, e de tantos outros sambistas que fizeram e fazem a história deste ritmo.

8- A princesinha e a garota de Ipanema são daqui. A beleza do Rio é tanta que inspirou Tom Jobim e Vinicius de Morais a cantarem Copacabana e Garota de Ipanema. Agora, me fala! Como não se apaixonar por essa vista?

Praia-KariDesbrava

 

9- O Cristo Redentor nos abençoa. Símbolo da cidade e eleito uma das maravilhas do mundo, o Cristo Redentor abençoa o Rio todos os dias. Sejam eles bons ou ruins. Como não ter ânimo ao acordar e se deparar com o Cristo como vista da janela???Cristo redentor - Kari desbrava

10-  Nossa casa é a rua. O carioca (da gema ou não) gosta da rua, do bar, do boteco, de fazer amigos. E a rua é nossa segunda casa. O encontro com o amigo que não vimos há anos, o flerte com o paquerinha, a reunião da galera, o Carnaval. Aqui as coisas acontecem na rua.

 

E aí, qual a sua razão para amar o Rio? Me conta nos comentários!

Tá rolando sorteio aqui no blog. Vou presentear um leitor com um livro e uma almofada de pescoço para viagem. Para participar clique aqui e confira as regras!

 

Confira: Sete perfis sobre o Rio de Janeiro para seguir no Instagram 
10 lugares para conhecer no Rio de Janeiro  
Oito coisas de graça para se fazer no Rio

***

Se você gostou deste conteúdo, compartilhe nas redes sociais. 😉

 

Beijos,

Kari.



0 In Carioquices

O Rio de Janeiro não é só praia

Subúrbio Carioca

Dias desses vendo fotos do Rio de Janeiro no Instagram (me segue lá: @KariDesbrava) vi um perfil em que achei maneiríssimo. A identificação com o perfil foi imediata já que meu coração, além de ser carioca, é suburbano. <3

Nada contra aos perfis que exaltam nossa natureza, as belas praias e meninas e meninos bonitos que desfilam seus corpos bronzeados pela orla. Pelo contrário, eles também retratam a vida carioca. Entretanto, o @rio.suburbano retrata a vida simples. A vida de um local. De um carioca. Sem glamour. Sem exaltação. Sem faniquitos.

O Rio não é só praia _ kari desbrava

 

O Rio é muito mais que praia. Foi essa frase que me fisgou para o perfil do @RioSuburbano e me fez ter vontade de escrever esse texto. Quando decidi que queria escrever sobre essa cidade, e posteriormente criei este blog, essa foi a justificativa que me motivou.

Não tem como falar do Rio sem falar da Zona Sul, obviamente. Ela é nosso cartão postal. É por ela que turistas conhecem a nossa cidade e aprendem mais um pouco sobre nós. Agora, não podemos reduzir o Rio somente a ela. O Rio é o Centro. O Rio é a Zona Oeste. O Rio é a Zona Sul. O Rio é a Zona Norte. O Rio é o subúrbio. O Rio é a Baixada Fluminense.

Apesar das nossas mazelas (e qual cidade do mundo não tem as suas?), é essa mistura de morro e asfalto que faz de nós o que somos e nos torna únicos. E olha, eu tenho um orgulho danado do que somos. E para retratar a nossa essência selecionei algumas fotos do perfil @rio.suburbano para você também admirar ou conhecer mais sobre a vida do subúrbio carioca. Saca só:

380 festas da Penha. 380 anos de tradição! Uma das MAIORES festividades religiosas do Brasil que durante todos os domingos de Outubro reune fiéis católicos em seu santuário. Hoje a glória da festa se resume aos resquícios dos relatos históricos e das famílias que viveram o fim do explendor cultural suburbano nos últimos 50 anos. Hoje o BRT testemunha no alto da pedreira o santuário que fez sombra para um Largo da Penha inundado por um mar de cores de pele, sons de tambores e cordas, dialetos diferentes, heresias e devoções, peregrinações, seja por trem, carruagens ou a pé. A festa reconhecida por El-Rei de Portugal, Brasil e Algarves, D. João VI, em 1817, hoje vislumabra as poucas barracas que ainda acreditam na força da fé e da cultura, entregues ao medo e ao descaso de uma cidade que virou as costas para o seu passado rural e agora olha apenas o Cristo no alto do Corcovado como sendo seu único e legítimo símbolo. Os piqueniques no gramado, os sons, doces e comidas dos escravos e portugueses, as confusões da polícia reprimindo os profanos, a santidade da velha senhora que trouxe os netos para celebrar Nossa Senhora da Penha de França… Não, eles nunca vão apagar a História… 🙏 #riosuburbano #meuriosuburbano #riodejaneiro #rj #suburbiocarioca #errejota #ruasdazn #zonanorteetc #aboutrio #rindodejaneiro #rionagema #carioquissimo #orionaoesopraia #orionaoesozonasul #orioquenaosemostra #orioquenaosainafoto #rio450 #rio2016 #Penha #FestadaPenha #rotinacarioca #Brazil #BR

Uma foto publicada por Rio Suburbano (@rio.suburbano) em

 

 

Foto do alto de página: Aluísio Ezequiel (@aezequiel)

***

Se você gostou deste conteúdo compartilhe nas redes sociais. 😉

Beijos,

Kari.



0 In Carioquices/ O que fazer no Rio/ Passeios

10 lugares para conhecer no Rio de Janeiro

Mirante_Dona_Marta_KariDesbrava

Falaa pessoal!

Estou participando de uma blogagem coletiva, na qual eu e outros blogueiros de viagem iremos falar sobre atrações bacanas de nossa cidade. Falarei sobre a #minhacidade querida e indicarei 10 lugares legais para visitar na Cidade Maravilhosa. Saca só 😉

1- Morro da Conceição| Cais do Valongo | Jardim Suspenso do Valongo

Localizado no coração do Rio, os três lugares são ricos em história e merecem a sua atenção. Essa região, que fica próxima a Praça Mauá, está sendo redescoberta devido a revitalização da praça. Para quem quer conhecer o Morro da Conceição, não tem como não passar pela Rua do Jogo da Bola e sentar no Bar Imaculada (em breve ambos os locais ganharão um post só para eles 😉 ).

O Jardim Suspenso do Valongo é cenografado, porém mesmo assim imperdível. Já o Cais do Valongo foi o local em que passaram mais de 500 mil escravos vindos da África, retratando um triste período de nossa história. Se tiver com tempo, passe também no Observatório do Valongo e curta as estrelas.

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

2- Largo do Boticário

Pouco conhecido dos cariocas, o Largo do Boticário é um show quando falamos de arquitetura. Tudo porque o local se caracteriza pelos casarões no estilo neocolonial. A exuberante vegetação de Mata Atlântica também chama a atenção de quem o visita. O acesso é feito por uma estreita viela, o Beco do Boticário, que passa sobre uma pequena ponte sobre o rio Carioca.

3-  Instituto Moreira Salles

E por falar em show de arquitetura, outro lugar belíssimo de se conhecer é o Instituto Moreira Sales. Lá, além da bela casa que é um espetáculo para os olhos, você pode conferir exposições de arte, filmes e shows.

 

Blog Foco No Mundo dá dicas de como conhecer o Cristo Redentor 

 

4 – Praia da Joatinga

Recentemente, mostrei para vocês nesse post como é a Praia da Joatinga. Vou usar essa listinha para reforçar como a Joatinga é um lugar lindo e que deve ser muito apreciado pelos cariocas. Então, não esqueçam: quando puderem visitem a Joatinga.

Praia da Joatinga - Rio

Que lugar lindo! :) Foto: Karilayn Areias

5- Igreja Nossa Senhora da Glória do Outeiro

Uma riqueza no alto do Rio e que pode ser vista do Aterro do Flamengo. A  Igreja Nossa Senhora da Glória do Outeiro também é uma das belezuras de nossa arquitetura e história. Não esqueça de levar a câmera para registrar todos os momentos.

Outreiro da Glória

Foto: Reprodução Facebook

6- Shopping Bossa Nova Mall

O shopping ainda é novo e talvez por isso não seja muito conhecido. Mas, o que ele tem de novo ele tem de incrível. Com uma vista para a Baía de Guanabara, não tem como não ficar de queixo caído.

Numa vista dessa não tem como botar defeito. 🙏 #bossanovamall #riodejaneiro #cidademaravilhosa #inaugurou

Uma foto publicada por Bossa Nova Mall (@bossanovamall) em

7- Mirante Dona Marta

O Mirante Dona Marta é um dos meu passeios favoritos. Gente, não tem como não se apaixonar por esse lugar. De verdade. O local é simples, mas recompensa só de olhar a “buniteza” do Rio. Vale fazer a Trilha até o Cristo e depois dá uma passada lá.

Mirante_Dona_Marta_KariDesbrava

Foto: Acervo Pessoal

8- Grumari 

É um bairro famoso pelas praias selvagens de Grumari (a principal), como também pelas praias do Perigoso, do Meio, Funda, e do Inferno, essas acessíveis por trilha ou pelo mar. Em Grumari, também fica a Praia do Abricó, a única praia de nudismo da cidade do Rio.

Foto? Alexandre Macieira |Riotur

Foto: Alexandre Macieira |Riotur

9-  Maracanã

Você pode ir no Maraca ver os jogos. Mas você também pode visitá-lo quando as competições não estiverem rolando. O roteiro de visitação passa pelo acervo, vestiário, sala de aquecimento, campo com bancos de reservas, chute a gol na grama sintética, arquibancadas e studio de TV.

Maracanã_Divulgação_KariDesbrava

Foto: Divulgação Site Maracanã

10- Lapa

Representando a boêmia e malandragem carioca, um passeio pela Lapa é vivenciar  a mistura carioca. Na Lapa, é possível curtir um samba, funk, reagge, jongo, etc. Os Arcos da Lapa, o passeio na escadaria Selarón e a proximidade com Santa Tereza compõe o charme do bairro.

 

Me conta, qual lugar você mais gosta de passear no Rio?

***

Confira o post de outros blogueiros de viagem que estão participando da blogagem coletiva #minhacidade: 

Casal Califórnia – O blog Casal Califórnia, que adotou San Francisco como seu novo lar, traz 10 dicas de museus para todos os gostos, bolsos e idades!

O Melhor Mês do Ano – O blog O Melhor Mês do Ano, que é da ZL paulistana (sem preconceitos, viu) traz 9 atrações imperdíveis no centro de São Paulo.

Fourtrip –  O blog Fourtrip te prova que é possível conhecer 10  famosos pontos turísticos do Rio de janeiro, sem gastar nada!

Destinos por onde andei… – O blog conta para os leitores dicas de lugares imperdíveis na capital mineira. Afinal, BH é tudo de bom, uai!!!

Viagem de Fuga – Você sabia que as 6 melhores sorveterias de São Paulo estão concentradas em único bairro? Vem se refrescar com a gente!

Atravessar Fronteiras – Brasília não é só o que você vê na TV. Somos uma cidade pulsante e aqui você vai conhecer programas fora do cartão postal.

Família Viagem – São Paulo é o paraíso da gastronomia e sair para comer é um dos grandes baratos da cidade. Veja alguns lugares que você precisa conhecer.

A Li na Alemanha – Aachen na Alemanha, é uma cidade desconhecida para os turistas, mas com muita história para contar. Veja algumas atrações da cidade.

Vou pra Roma –  O Blog VoupraRoma escolheu as 10 atrações que você não pode deixar de ver em Roma.

Viajando por Aí – Saia do circuito turístico  e conheça o Rio de outra maneira: 5 passeios diferentes no Rio de Janeiro!
Colecionando Ímãs – Palácio do Planalto? Procuradoria Geral da República? Itamaraty? As atrações de Brasília que você precisa conhecer para saber do que o William Bonner tá falando!

Viviendo en el México Mágico! – 10 coisas pra se fazer em San Luis Potosí – Mex!

Janela para o Mundo – 10 pontos turísticos bem interessantes de se conhecer no Rio de Janeiro. Alguns são mais famosos, outros são bem menos comuns nas listas das atrações do Rio e nem sempre conhecidos por muitos cariocas.

Me deixa ser turista – Que tal aproveitar um domingo de avenida Paulista aberta para os pedestres não só para pedalar e bater perna, mas também para curtir o que tem de mais legal por ali?

Turista Fulltime – A maioria dos brasileiros, quando visita a “Terra dos Tamancos”, tem Amsterdã como destino principal. Se sobra algum tempo, vai visitar alguma outra cidade tipicamente holandesa. Uma pena: deixa de conhecer Haia, um centro cultural, político e econômico surpreendente!

A Casa na Mala – Aqui estão 8 motivos que fazem valer a pena conhecer Oviedo, cidade espanhola que, segundo o diretor de cinema Woody Allen, parece saída de um conto de fadas!

Ligado em Viagem –  Nós listamos 5 atrações turísticas em Karlsruhe (e Ettlingen) na Alemanha, que devem ser incluídas em qualquer roteiro de visita ao estado de Baden-Württemberg.

Passeiorama – Dica bem legal para quem mora ou apenas está de passagem por São Paulo! Separamos os 9 parques que mais gostamos na cidade, um pouco de natureza no meio da selva de pedra!

***

Se você gostou deste conteúdo, compartilhe nas redes sociais. 😉

Beijos,
Kari.



0 In Carioquices

16 definições do que é ser carioca

Cristo Redentor

1 – É ter um jeito peculiar de ser…
carioca photo: 5434534-1.jpg

2- É não precisar de muito pra se divertir. Basta uma cervejinha com um churrasquinho que já faz a festa.
cerveja e churrasco photo: churras_01 DSC_7039a.jpg

3- É se contentar com uma simples praia no fim de semana.

via GIPHY

4- É deixar tudo para a última hora.

5- É ter um jeitinho para tudo e no final tomar uma pra relaxar.

6- É levar bem a vida.

via GIPHY
7-  É viver e não ter vergonha de ser feliz.

via GIPHY

8- É um estado de espírito.

via GIPHY

9- É ter estilo.

via GIPHY

10 – É tirar onda.

via GIPHY

11 – É saber que sexta tudo irá mudar.

via GIPHY

12 – É ter uma praia “só sua”.

via GIPHY

13 – É ser abençoado todos os dias pelo Cristo.

14 – Ser carioca é um prazer.
carioca photo: Jose Carioca JoseCarioca.jpg

15 – Ser carioca é fácil, rs.
rio de janeiro photo: Caipirinha IMAG0045.jpg

E por fim…

 

16 – “Ser carioca é levar a vida

Esquecer a rotina sofrida

Tomar uma gelada em dia de sol

 

Ser carioca é viver sorrindo

É falar de domingo a domingo

De praia, de samba e de futebol

 

É sorrir quando nada da certo

Ser de fato um cara esperto

Saber que o bem sempre vence o mal

 

É provar que malandro trabalha

Todo dia na mesma batalha

Mas no Rio de Janeiro tudo vira carnavall” (Música de Castelo Neto).

via GIPHY

E para você, o que é ser carioca?

Se você gostou deste conteúdo compartilhe nas redes sociais. 😉

 

Beijos,

Kari.



0 In Carioquices

’36 horas’ no Rio de Janeiro: um mini-roteiro da Cidade Maravilhosa

Praia Rio de Janeiro

O Rio encanta cariocas, turistas brasileiros e estrangeiros por todo o seu swing. Somos conhecidos no mundo todo por nossa simpatia e hospitalidade. E todas essas qualidades, que já dissertei aqui, foram retratadas em uma série muito bacana do jornal americano New York Times.

A série “36 Hours” (traduzindo: 36 horas) mostra o lado cosmopolita do Rio, passando pela revitalização do Centro até a nossa gastronomia.  Achei interessante observar como um jornal estrangeiro retratou a nossa cultura e teve cuidado ao elaborar o mini roteiro, que traz alguns lugares bem conhecidos dos cariocas como a Lapa e o Parque Lage.

Além do Rio, o seriado retrata 36 horas em várias cidades do mundo como Istambul, Paris, Berlim e Lima.

 

O que você acrescentaria no roteiro se viesse passar 36 horas no Rio? Me conta nos comentários.

 

Se você gostou desse texto compartilhe nas suas redes sociais. 😉

 

Beijos,

Kari.



Inline
Please enter easy facebook like box shortcode from settings > Easy Fcebook Likebox
Inline
Please enter easy facebook like box shortcode from settings > Easy Fcebook Likebox